A leitura é um testemunho oral da palavra escrita.

BD MANIA

A MINHA BIBLIOTECA DE BANDA DESENHADA

JOSÉ SARAMAGO

O Nosso Nobel

A MINHA LISTA DE DESEJOS

De preferência os livros do Arturo Perez-Reverte em português please

AS CRÓNICAS DE GELO E FOGO

As Capas dos 10 livros editados

EM MODO LEITURA

Acácia Outras Terras

14/09/2014

Eduardo Roca

Nasceu em Barcelona,1963, é investigador e professor universitário. Doutorou-se como engenheiro industrial pela Universidade Politécnica da Catalunha. Atualmente reside em Heidelberg, na Alemanha, onde combina a sua atividade docente com diversos projetos culturais.

Posts no AS MINHAS LEITURAS

13/09/2014

Oficina dos livros proibidos (A)



Apreciação
Um livro que nos apresenta uma visão romanceada da origem da Imprensa, e que nos transporta, com uma escrita simples mas bem estruturada, para uma Colónia do inicio do séc. XV, numa urbe com 50.000 almas, em que a Igreja é omnipotente.
O que mais me agradou neste livro, foi a sua plausibilidade, uma vez que ao ler o livro, ficamos a pensar se efectivamente não terá sido mesmo assim que a Imprensa deu os primeiros passos.
Aconselho a todos os que gostem de um bom romance, com conteúdo histórico, num tema que não está muito falado mesmo passados quase 600 anos. 

Sinopse
Colónia, alvores do século XV. Ares de reforma e de mudança assolam uma Europa governada ainda pelas superstições e velhas crenças. A difusão do saber está em poder de uns poucos. No entanto, um pequeno grupo de sábios e eruditos que se reúne na mais absoluta clandestinidade está ligado por uma ambição comum: a transmissão cultural ao povo. Como? Através dos livros. 

Antes, porém, terão de se esquivar das reticências da Igreja - que não deseja que obras "perigosas como os Evangelhos cheguem ao povo - e das dos nobres - que não querem perder os seus privilégios.
Só um, homem, um modesto ourives chamado Lorenz, ajudado pela filha, será capaz de aceitar o desafio. mesmo que o preço que poderia pagar por semelhante ousadia seja o mais caro: a sua vida e a de todos aqueles que o rodeiam.

 Uma aventura de fundo histórico onde se misturam religião, poder, sexo, violência, amor, lealdade, traição, amizade… "A Oficina dos Livros Proibidos" é um romance que prende com a sua intriga e cujo ritmo se acelera de forma imparável até chegar a um desenlace surpreendente, ao nível de "O Nome da Rosa".

"Um romance inesquecível e intenso que envolve o leitor na magia dos livros"

CLASSIFICAÇÃO DAS LEITURAS...
8 - Ecelente

Título
A OFICINA DOS LIVROS PROIBIDOS
Saga

Tema
Romance
Editora
Marcador
Autor
Páginas
559
Data de Leitura
05/09/2014
ISBN
9 789897 540158

06/09/2014

Irmandade



Apreciação
Este segundo livro da saga de Assassin's Creed, continua a demanda de Ezio que se iniciou em "Renascença". Ezio continua a sua caminhada pela justiça e condenação dos assassinos da sua família.
A narração desenvolve-se ao bom estilo dos video-jogos, já que Assassin's Creed viu a luz do dia nestas plataformas, mas nada perde nesta transposição para o mundo da ficção.
O enquadramento histórico é soberbo, no qual somos levados para o meio de uma das maiores intrigas e disputas que ocorreram no seio da igreja e que se passa no inicio do Séc. XVI, em Roma.
A ler por quem gosta do género histórico, mas também para quem gosta de uma boa dose de acção furtiva.


Sinopse
" VIAJAREI ATÉ AO CORAÇÃO NEGRO DE UM IMPÉRIO CORRUPTO PARA ERRADICAR OS MEUS INIMIGOS. MAS ROMA NÃO FOI CONSTRUÍDA NUM DIA E NÃO SERÁ REFEITA POR UM SÓ ASSASSINO. O MEU NOME É EZIO AUDITORE DA FIRENZE. ESTA É A MINHA IRMANDADE. "

Roma, outrora poderosa, jaz em ruínas. A cidade está impregnada de sofrimento e degradação, os seus cidadãos vivem sob a sombra da impiedosa família dos Bórgia. Apenas um homem poderá libertar o povo da tirania Bórgia: Ezio Auditore, o Mestre Assassino. A demanda de Ezio irá testá-lo até aos seus limites. César Bórgia, um homem mais malévolo e perigoso que o seu pai, o Papa, não descansará enquanto não tiver conquistado Itália. Nestes tempos tão traiçoeiros, a conspiração está por todo o lado, até no meio da própria Irmandade...

CLASSIFICAÇÃO DAS LEITURAS...
7 - Muito Bom

Título
IRMANDADE
Saga
ASSASSIN'S CREED
Tema
Fantástico
Editora
Saída de Emergência
Autor
Páginas
336
Data de Leitura
23/08/2014
ISBN
9 789896 373405

31/08/2014

Lisa Tuttle



Venceu o prémio John W. Campbell para o melhor novo escritor de 1974 e desde então foi autora de numerosos contos e romances, incluindo Lost Futures, que foi finalista do Prémio Arthur C. Clarke, e The Pillow Friend. Mais recentemente, escreveu vários livros para crianças. Natural do Texas, vive agora com o marido e a filha numa remota área da costa ocidental da Escócia onde a paisagem e o clima são muito semelhantes aos panoramas marítimos de Windhaven.



Posts no AS MINHAS LEITURAS

30/08/2014

Windhaven



Apreciação
O tempo de férias é excelente para as leituras, já que se consegue uma leitura continuada, o que faz com que consigamos entrar no ambiente da narrativa. Livros há que não nos atingem pelo facto de o lermos aos bocadinhos, Windhavem é um desses livros que temos de ler de seguida.
Adorei a o ambiente criado por Martin e Tuttle, umas vezes quase opressivo, outras de uma frescura e leveza que quase dá para sentir a brisa do mar.

Este é um livro de um amor, o amor pela vertigem, pelo mar, e acima de tudo pela liberdade, não só a liberdade de voar, mas acima de tudo e todos, a liberdade dos povos, a liberdade de escolhermos o nosso destino e não de o escolherem por nós. A ler.

Sinopse
George R. R. Martin, mundialmente famoso pela saga épica de A Guerra dos Tronos, alia-se a Lisa Tuttle na criação do mundo de Windhaven, um planeta que se tornou o refúgio dos humanos após um desastre espacial. Constituído por pequenas ilhas, clima impiedoso e mares infestados de monstros, Windhaven é uma terra que tem tanto de sonho como de pesadelo.

Ao descobrirem neste novo planeta a habilidade de voar com asas de metal, os voadores de asas prateadas tornam-se a elite e levam a todo o lado notícias, canções e histórias. Atravessam oceanos, enfrentam as tempestades e são heróis lendários que enfrentam a morte a cada golpe traiçoeiro do vento.

Maris de Amberly, filha de um pescador, foi criada por um voador e nada mais deseja do que conquistar os céus de Windhaven. A sua ambição é tão forte que a jovem desafia a tradição para se juntar à elite. Mas cedo irá descobrir que nem todos os voadores estão dispostos a aceitá-la e terá de lutar e arriscar a vida pelo seu sonho. Conseguirá Maris vencer ou tornar-se-á uma testemunha do fim de Windhaven?

CLASSIFICAÇÃO DAS LEITURAS...
7 - Muito Bom

Título
WINDHAVEN
Saga

Tema
Fantástico
Editora
Saída de Emergência
Autor
Páginas
323
Data de Leitura
11/08/2014
ISBN
9 789896 375225

22/08/2014

Homem de Constantinopla (O)



Apreciação
O tempo de férias é excelente para as leituras...
Mais um excelente livro de José Rodrigues dos Santos e que aconselho vivamente a ler, já que nos trás a história de Caloust Gulbenkian, um tão nosso conhecido mas ao mesmo tempo tão ignorado benemérito. Mas como conseguiu ele chegar a este ponto?
Mais uma vez José Rodrigues dos Santos, apresenta-nos um livro de época com um trabalho de pesquisa enorme e que nos transporta para o final do séc. XIX e primórdios do séc. XX, com as tramas politicas e coloniais de um Império Otomano em desagregação.
Já tenho o segundo livro desta maravilhosa história, "Um Milionário em Lisboa" que lerei muito rapidamente.

Sinopse
O Império Otomano desmorona-se e a minoria arménia é perseguida. Apanhada na voragem dos acontecimentos, a família Sarkisian refugia-se em Constantinopla. Apesar da tragédia que o rodeia, o pequeno Kaloust deixa-se encantar pela grande capital imperial e é ao atravessar o Bósforo que pela primeira vez formula a pergunta que havia de o perseguir a vida inteira:
“O que é a beleza?”
Cruzou-se com a mesma interrogação no rosto níveo da tímida Nunuphar, nos traços coloridos e vigorosos das telas de Rembrandt e na arquitectura complexa do traiçoeiro mundo dos negócios, arrastando-o para uma busca que fez dele o maior coleccionador de arte do seu tempo.

Mas Kaloust foi mais longe de que isso.
Tornou-se o homem mais rico do planeta.

Inspirado em factos reais, O Homem de Constantinopla reproduz a extraordinária vida do misterioso arménio que mudou o mundo – e consagra definitivamente José Rodrigues dos Santos como autor maior das letras portuguesas e um dos grandes escritores contemporâneos.


“Um estilo de escrita prodigiosamente poético e melódico que enfeitiça o leitor”

Literaturzikel Belletristik, Alemanha 

CLASSIFICAÇÃO DAS LEITURAS...
8 - Excelente

Título
HOMEM DE CONSTANTINOPLA (O)
Saga

Tema
Romance
Editora
Gradiva
Autor
Páginas
578
Data de Leitura
15/02/2010
ISBN
978 989 616 338 9

17/08/2014

Veronica Roth




Estudou Escrita Criativa na Northwestern University. Nos seus tempos de faculdade, preferiu dedicar-se a escrever o que viria a ser a sua primeira obra, Divergente, e deixar de lado os trabalhos de casa – uma escolha que acabou por transformar totalmente a sua vida. Veronica Roth foi considerada a melhor autora pelo GoodReads Choice Awards em 2012. Divergente foi eleito o melhor livro de 2011 e Insurgente o melhor livro de fantasia para jovens-adultos em 2012, pela mesma entidade, a única cujas distinções são atribuídas exclusivamente pelos leitores.



Posts no AS MINHAS LEITURAS

15/08/2014

Convergente



Apreciação
Mais um livro lido em tempo de férias e praia.
Convergente é o último livro do Universo Divergente e o que mais impressiona nesta saga é que tudo o que lemos é verosímil, não existem nem monstros nem dragões, tudo o que lemos pode vir a acontecer num futuro mais ou menos longínquo, menos do que mais e levanta muitas questões quanto ao caminho que queremos para os nossos netos, filhos já não. 
Queremos um caminho na senda da genética sem regras? 
Um livro forte, com a natural história de amor e que em, algumas situações me fez lembrar o "Ensaio sobre a Cegueira" do nosso Nobel, quando nas emoções e naquilo que são efectivamente os humanos diz respeito. 


Sinopse
A sociedade de facções em que Tris Prior acreditava está destruída – dilacerada por actos de violência e lutas de poder, e marcada para sempre pela perda e pela traição. Assim, quando lhe é oferecida a oportunidade de explorar o mundo para além dos limites que conhece, Tris aceita o desafio. Talvez ela e Tobias possam encontrar, do outro lado da barreira, uma vida mais simples, livre de mentiras complicadas, lealdades confusas e memórias dolorosas. Mas a nova realidade de Tris é ainda mais assustadora do que a que deixou para trás. As descobertas recentes revelam-se vazias de sentido, e a angústia que geram altera as vontades daqueles que mais ama. Uma vez mais, Tris tem de lutar para compreender as complexidades da natureza humana ao mesmo tempo que enfrenta escolhas impossíveis de coragem, lealdade, sacrifício e amor. Convergente encerra de forma poderosa a série que cativou milhões de leitores, revelando os segredos do universo Divergente.


“Maravilhoso, perigoso, com uma intensa história de amor a que não consegui resistir”

BECCA FITZPATRICK autora da Saga Hush, Hush.


CLASSIFICAÇÃO DAS LEITURAS...
8 - Excelente

Título
CONVERGENTE
Saga
Divergente
Tema
Fantasia
Editora
Porto Editora
Autor
Páginas
410
Data de Leitura
12/07/2014
ISBN
9 789720 043832

10/08/2014

Margaret Weis




Começou a sua colaboração com Tracy Hickman na série DRAGOLANCE, há mais de quinze anos. Ela é autora de 15 livros da série Dragolance, o quarteto de fantasia Star of the Guardian, entre outros títulos. Vive no sul de Wisconsin com o seu marido e encontra-se a trabalhar em novas séries para a editora TOR.


Posts no AS MINHAS LEITURAS

09/08/2014

Tracy Hickman



Começou a trabalhar na TSR, Inc. como designer de jogos, onde ajudou a conceber o universo de DRAGONLANCE. Escreveu em colaboração com Margaret Weis, 11 livros da série, mas também a série Darksword e o Death Gate Cycle. Foi o designer responsável pela criação dos cenários do jogo Starshield e autor de The Immortals. Vive em Utah com a mulher e quatro filhos. Encontra-se a escrever uma trilogia para a Warner Books.



Posts no AS MINHAS LEITURAS

08/08/2014

Dragões de um Alvorecer de Primavera




Apreciação
Mais um livro lido em tempo de férias.
Último livro das Cónicas de DragonLance, uma gesta heróica ao jeito do Senhor dos Anéis, mas com um enredo tipicamente de videojogos. 

O que melhor posso dizer deste finalizar das crónicas é que o li em 2 dias, já que o final é efectivamente forte e com um enredo que nos leva a querer saber como Tanis se irá desenvencilhar.


Sinopse
Krynn prepara-se para a batalha decisiva contra os servos de Takhisis, a rainha das Trevas. Os nossos companheiros têm em seu poder as misteriosas e mágicas orbes e lança de dragão, mas será isso o suficiente para resistirem às forças da escuridão?
Uma batalha ainda maior encontra-se por travar no coração de cada um dos heróis. Tanis está dividido entre a perigosa kitiara e o amor incondicional de Laurana. Raistlin prossegue a sua demanda por mais conhecimento e poder entre os magos de Krynn, mas o preço a pagar é elevado e poderá não sobreviver. Saberá Caramon, o seu irmão, até onde vai a ambição de Raistlin? Tasslehoff aprende, pela primeira vez, a sentir medo pelos seus amigos.

Com o alvorecer, novos segredos e traições, mas também grande coragem e sacrifício, serão revelados. Os deuses são testemunhas de que nada voltará a ser o mesmo em Krynn.



CLASSIFICAÇÃO DAS LEITURAS...
7 - Muito Bom

Título
DRAGÕES DE UM ALVORECER DE PRIMAVERA
Saga
Crónicas de DragonLance (As) - Livro III
Tema
Fantasia
Editora
Saída de Emergência
Autor
Páginas
370
Data de Leitura
23/07/2014
ISBN
9 789896 375539

07/08/2014

Booking through thursday 07/08



Vamos voltar ao Livros à quinta-feira ou Reservas até quinta-feira.


Quando vocês visitam a casa de um amigo, tem tempo ou costume, para “navegar” nas estantes e ver os livros que têm? Ficam chocados, se eles não têm livros os se têm meia-dúzia?

A minha resposta:
Quase sempre me perco nas estantes de casa dos meus amigos, e nos títulos dos livros, já que é algo que me agrada e que diz muito das pessoas e dos seus gostos.


Deixe um link para a sua resposta real (para que as pessoas não tenham que ir procurar) nos comentários, ou, se preferir, deixe suas respostas nos próprios comentários!

03/08/2014

Scott Siegler




É o autor de podcasts mais bem-sucedido do mundo, com uma hoste radicalmente leal de 30.000 subscritores por publicação. As suas publicações atingiram o primeiro lugar, no âmbito das publicações de áudio, em todos os sites de podcasts, incluindo o iTunes e o seu impressionante triunfo tornou-o alvo de perfis biográficos no New York Times e no Toledo Blade, valendo-lhe também cobertura no Washington Post, BusinessWeek e noutras publicações. Sigler vive em São Francisco.



Posts no AS MINHAS LEITURAS

01/08/2014

Infecção



Apreciação
Mais um livro lido em tempo de férias e praia.Livro ao jeito de Stephan King. 
Terror com um toque de ficção cientifica que se lê de um fôlego, com uma leitura cinematográfica e que nos agarra desde a primeira página. 

Sinopse
Por toda a América, uma misteriosa doença está a transformar pessoas normais em psicopatas que cometem atrocidades brutais em estranhos, em si próprios e até mesmo nos seus familiares. O operacional da CIA, Dew Phillips, cruza o país de lés a lés, tentando em vão apanhar uma vítima viva. Dispondo apenas de corpos em decomposição, como postas, a epidemiologista do CDC, Margaret Montoya, corre contra o tempo para analisar os dados científicos por detrás deste contágio mortal, descobrindo que estes assassinos têm uma coisa em comum: forma contaminados por um parasita concebido por bioengenharia, cuja complexidade vai muito além dos limites conhecidos da ciência.
Entretanto, Perry Dawsey uma antiga e robusta estrela de futebol americano, agora confinado a um cubículo e resignado à vida de empregado de escritório, acorda uma manhã e descobre que tem vários inchaços misteriosos a crescerem-lhe no corpo. Pouco depois, Perry dá consigo a agir e a pensar de forma estranha e a ouvir vozes… ele está infectado.


“Misturando Stephen King w Chuck Palahniuk, Infecção, combina ficção científica e terror numa opulenta obra-prima de acção, terror e suspense”

JAMES ROLLINS autor dos bestsellers The Judas Strain e Black Order


“Uma maravilha do terror bizarro, agressivo e actual, Siegler é especialista em agarrar o leitor pela garganta, recusando-se a largá-lo”


LINCOLN CHILD autor dos bestsellers, Deep Storm e Death Match



CLASSIFICAÇÃO DAS LEITURAS...
7 - Muito Bom

Título
INFECÇÃO
Saga

Tema
Terror
Editora
1001 Mundos
Autor
Páginas
451
Data de Leitura
21/07/2014
ISBN
978 9895 576791

30/07/2014

Tango da Velha Guarda (O)



Nestas férias já consegui ler 6 livros, todos eles bem diferentes e de diferentes autores:

-Convergente de Veronica Roth o 3º e último livro da saga Divergente
-O Homem de Constantinopla de José Rodrigues dos Santos o 1º de 2 livros
-A Voz da Vingança de Guy Gavriel Kay o 2º de 2 livros da série Tigana 
-Infecção de Scott Sigler
-Dragões de um Alvorecer de Primavera de Weiss & Hickman o 3º e último da Saga Dragolancer
-O Tango da Velha Guarda de Arturo Pérez-Reverte, o último que li e que hoje vou apresentar.


Apreciação

Mais um grande romance de Reverte.

O ambiente que Reverte recria é absolutamente fenomenal, conseguindo que o leitor seja verdadeiramente transportado para as diferentes épocas do século XX, como só ele sabe. Rapidamente o Tango, essa maravilhosa música/dança, a sua nostalgia e sua garra feita de desenganos e desencontros, nos envolve, nos agarra quase que nos consome, criando um ambiente nostálgico e ao mesmo tempo de guerrilha feita de traições, que nos leva ao longo do livro.

Reverte leva-nos a percorrer o século XX, as suas tramas politicas, sociais e amorosas.

Sinopse

1928.
No salão deserto e silencioso de um transatlântico que navega pela noite dentro, um casal dança um tango ainda por escrever…
Ela é Mecha Inzunza, uma mulher enigmática e melancólica.
Ele é Max Costa, um elegante fura-vidas.

Rumam a Buenos Aires, onde Armando de Troeye, marido de Mecha e músico afamado, enfrenta um extravagante desafio. Ao abrigo das ruelas lúgubres e ilícitas da cidade, nasce entre Mecha e Max uma história de amor arrebatadora que será precocemente interrompida. Voltarão a encontrar-se apenas duas vezes ao longo das suas vidas.

Em 1937, numa intriga de espionagem na Riviera Francesa, um dos destinos preferidos da alta sociedade europeia. E em Sorrento, 1966, durante uma inquietante partida de xadrez. Aqui, o tempo é já de nostalgia. O jogo dos amantes está perto do fim. A sua paixão acompanhou o esplendor e a decadência da Europa do século XX e transcendeu o tempo e a distância. Sempre presente e sempre impossível.

Arturo Pérez Reverte escreveu um romance trepidante e criou com Mecha Inzunza uma heroína épica e definitiva.


“Graham Greene sabia e sabem-no John Le Carré e Pérez-Reverte: o génio está nos detalhes. O Tango da Velha Guarda é um romance magnífico.”

ABC



CLASSIFICAÇÃO DAS LEITURAS...
9-Obra-Prima

Título
O TANGO DA VELHA GUARDA
Saga

Tema
Romance
Editora
ASA
Autor
Páginas
459
Data de Leitura
30/07/2014
ISBN
9 789892 324432

12/07/2014

Fúria Divina (A)



Apreciação


Livro ao jeito de Dan Brown. Um thriller excitante e entusiasmante, extremamente actual, que nos transporta para os medos das sociedades actuais, ou seja o terrorismo.
José Rodrigues do Santos já nos habituou em outros livros, a uma construção histórica o mais real possível, e este livro não foge à regra, levando-nos através do nosso já conhecido Tomás de Noronha, a conhecer o mundo.

Sinopse

Uma mensagem secreta da Al-Qaeda faz soar as campainhas de alarme em Washington. Seduzido por uma bela operacional da CIA, o historiador e criptanalista português Tomás Noronha é confrontado em Veneza com uma estranha cifra: 6AYHAS1HA8RU.

Ahmed é um menino egípcio a quem o mullah Saad ensina na mesquita o carácter pacífico e indulgente do islão. Mas nas aulas da madrassa aparece um novo professor com um islão diferente, agressivo e intolerante. O mullah e o novo professor digladiam-se por Ahmed e o menino irá fazer uma escolha que nos transporta ao maior pesadelo do nosso tempo.

Baseando-se em informações verídicas, José Rodrigues dos Santos confirma-se nesta obra surpreendente como o mestre dos grandes temas contemporâneos. Mais do que um empolgante romance, Fúria Divina é um impressionante guia que nos orienta pelo labirinto do mundo e nos revela os tempos em que vivemos.

Este romance foi revisto por um dos primeiros operacionais da Al-Qaeda.



CLASSIFICAÇÃO DAS LEITURAS...
7 - Muito Bom

Título
FÚRIA DIVINA
Saga

Tema
Romance
Editora
Gradiva
Autor
Páginas
578
Data de Leitura
15/02/2010
ISBN
978 989 616 338 9

06/07/2014

Stephenie Meyer



Nasceu na véspera de Natal, em Hartford, Connecticut, mas vive em Phoenix, no estado do Arizona desde os quatro anos de idade. É lá que vive com o seu marido e os seus três filhos. Licenciou-se em Literatura Inglesa, pela Brigham Young University. Após a publicação do seu primeiro romance, Twilight (entre nós publicado com o titulo Crepúsculo), Stephenie Meyer foi considerada "como uma das mais promissoras novas escritoras de 2005" (Publishers Weekly). O seu romance de estreia foi bem recebido pela critica tendo conseguido várias distinções entre as quais se destacam: A New York Times Editor's Choice; A Publishers Weekly Best Book of the Year, Amazon "Best Book of the Decade...So Far". Sem dúvida um romance de qualidade, já traduzido, até agora, em 20 línguas.



Posts no AS MINHAS LEITURAS

05/07/2014

Nómada


Apreciação

Quando iniciei o livro pensei que poderia estar a ler, mais do mesmo, ou seja, o mesmo ou semelhante à Saga twilight. Nada mais errado.
Excelente história, que aconselho a lerem, mesmo aos que não são simpatizantes da ficção científica, uma vez que podemos transpor esta história, para muitas outras de ocupação, como o colonialismo, ou um gigante Big Brother, ou tantos outros modos de nos retirar a nossa liberdade de pensar. A nossa liberdade intelectual.

Sinopse
O nosso Mundo foi invadido por um inimigo invisível. Os Humanos estão a ser transformados em hospedeiros destes invasores, com as suas mentes expurgadas, enquanto o corpo permanece igual e a vida prossegue sem qualquer mudança aparente. A maior parte da Humanidade não consegue resistir. Melanie Stryder recusa-se a desaparecer.

Quando Melanie, um dos poucos Humanos «indomáveis», é capturada, ela tem a certeza de que chegou o fim. Nómada, a Alma invasora a quem o corpo de Melanie é entregue, foi avisada sobre o desafio de viver no interior de um humano: emoções avassaladoras, excesso de sentidos, recordações demasiado presentes. Mas existe uma dificuldade com que Nómada não conta: o anterior dono do corpo combate a posse da sua mente. 

Nómada esquadrinha os pensamentos de Melanie, na esperança de descobrir o paradeiro da resistência humana. Melanie inunda-lhe a mente com visões do homem por quem está apaixonada - Jared, um sobrevivente humano que vive na clandestinidade. Incapaz de se libertar dos desejos do seu corpo, Nómada começa a sentir-se atraída pelo homem que tem por missão delatar. No momento em que um inimigo comum transforma Nómada e Melanie em aliadas involuntárias, as duas lançam-se numa busca perigosa e desconhecida do homem que amam.




CLASSIFICAÇÃO DAS LEITURAS...
8 - Excelente

Título
NÓMADA
Saga

Tema
Ficção Científica
Editora
1001 Mundos
Autor
Páginas
836
Data de Leitura
22/07/2009
ISBN
978 989 557 577 0